O que é disfunção erétil e como preveni-la?

O que é disfunção erétil e como preveni-la?

A disfunção erétil é mais comum do que parece, isto é, afeta a maior parte da população masculina ao redor do mundo, devido a hábitos ruins, bem como a má alimentação, consumo de substâncias tóxicas em excesso, doenças, fatores psicológicos, entre outros.

São diversas a causa deste problema, por isso, é importante saber o que é disfunção erétil e como preveni-la.

Confira aqui neste artigo o que precisa saber sobre o assunto e como tratar a disfunção erétil:

O que é disfunção erétil?

A disfunção erétil é uma dificuldade mais frequente do que se pensa, pode vir acompanhada de problemas na autoestima e nas relações amorosas, porém é uma condição que deve ser tratada e discutida sem tabus.

Em traços gerais, a disfunção erétil é conhecida como a falta de capacidade de ter uma ereção ou de fazê-la durar o tempo necessário durante os atos sexuais, é uma situação que pode ocorrer repetidamente ou que dura mais de 3 meses, além disso, é caracterizada por afetar o desempenho, o desejo sexual e a autoestima masculina.

Para que ocorra uma ereção, é necessário o enchimento de sangue para duas estruturas que ficam localizadas dentro do trato genital masculino, especificamente no pênis, que são chamados de corpos cavernosos, algumas das pessoas que sofrem de disfunção erétil não conseguem atingir esse processo de forma adequada.

A disfunção erétil é mais comum em homens mais velhos e pode ser devido a vários motivos como: traumas, fatores hormonais e musculares, operações, efeitos colaterais de algumas doenças como tabagismo, diabetes e algumas patologias do aparelho circulatório, podendo até ser causada por medicamentos.

O estresse negativo também pode afetar o desempenho sexual masculino, pois interrompe o desejo e coloca a mente em alerta. Convém lembrar que a genitália masculina funciona graças a um complexo sistema de interações metabólicas que envolvem reações químicas e processos físicos relacionados à ativação hormonal, muscular, sanguínea e do sistema nervoso.

Em geral, essa é uma resposta de todo o corpo. Alguns hábitos, como alcoolismo e tabagismo, podem aumentar as chances de adquirir a disfunção erétil.

Como prevenir e tratar a disfunção erétil

Muitos homens recorrem a soluções simples como gel, bombas penianas, medicamentos, entre outros, mas essas alternativas podem não ser eficazes na maioria das vezes, pois tratam o problema só momentaneamente.

Para prevenir a disfunção erétil, você deve manter um estilo de vida saudável, reduzir o estresse e manter a força do assoalho pélvico, através de exercícios Kegel. Adotar hábitos alimentares saudáveis, evitar o álcool e tabaco, praticar atividades físicas, contribuem para que o corpo funciona de forma saudável, sem interferir nos níveis de produção hormonal, como a testosterona que é o hormônio masculino por excelência.

Além disso, o médico deve ser consultado, pois existem várias alternativas de tratamento para disfunção erétil que devem ser ministradas de forma integral, levando em consideração tanto as causas biológicas quanto as repercussões mentais que isso pode ter na vida de qualquer homem.

Alguns estão relacionados com a restauração da atividade dos vasos sanguíneos, como cirurgias e, em último caso, implantes.

Afinal, é muito importante entender que não é correto usar drogas que alteram a função sexual sem indicação do profissional de saúde. Qualquer medicamento tomado sem fórmula médica altera as funções naturais do organismo, no caso de comprimidos e outros compostos utilizados para melhorar o desempenho sexual, o uso destes medicamentos pode ter o efeito contrário ou alterar as funções circulatórias ou hormonais.

Não se esqueça de consultar o seu médico de confiança, antes de aderir a qualquer tipo de tratamento, para se certificar de estar recebendo os cuidados necessários de acordo com seu caso específico.

Dicas de saúde – Buena Beleza